Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Diretoria
Início do conteúdo da página

Diretoria

Publicado: Quinta, 05 de Março de 2015, 16h35 | Última atualização em Terça, 19 de Maio de 2015, 09h09 | Acessos: 3019

Diretor:

Fernando Antonio Freitas Lins

Secretária da Diretoria:

Rosângela Torres
T. (21) 3865-7296 / 2260-2837
F. (21) 2260-2837

A busca da excelência do desempenho é uma preocupação permanente da Alta Direção do CETEM. Desde a sua fundação, em 1978, quando era vinculado ao Ministério das Minas e Energia (MME), o Centro utilizava Programações Trienais como ferramenta de gestão, prática que vigorou até 2001.

Na década de 90, começaram a ser implantadas ações com o intuito de promover a excelência do desempenho institucional. Em 1998, o Centro aderiu ao projeto Excelência na Pesquisa Tecnológica, desenvolvido e liderado pela Associação Brasileira das Instituições de Pesquisa Tecnológica (ABIPTI), e optou pela adoção dos critérios do Prêmio Nacional da Qualidade (PNQ) como método para aprimorar seus processos de gestão. A adesão ao referido projeto permitiu que, em 2001, pela primeira vez, alguns dos colaboradores da instituição participassem de treinamentos específicos. Os processos de gestão foram submetidos à avaliação e, como resultado, foi formulado um plano de melhoria.

Desde 2002, a análise do desempenho da organização, com foco no alcance de metas, é baseada, principalmente, na obtenção dos valores ajustados para indicadores de desempenho institucional, correspondentes às metas previstas no Termo de Compromisso de Gestão (TCG) anual, pactuado pelo Ministro e pelo Diretor. Em função das notas obtidas pela instituição para o alcance de metas específicas, é calculada a pontuação média global da Unidade de Pesquisa de valor, que está associada a um respectivo conceito. A Figura a seguir mostra a evolução do Centro desde 2002.


Resultado anual do CETEM obtido no Termo de Compromisso de Gestão - TCG firmado com o MCTI.
A - Excelente B - Muito Bom C – Bom D – Satisfatório E – Fraco F - Insuficiente

 

A análise crítica dos resultados obtidos no ano anterior é utilizada pela Alta Administração para a realização do planejamento para o ano seguinte, de forma que as oportunidades de melhorias detectadas sejam implantadas por meio de ações e produtos que impactarão diretamente os resultados dos indicadores institucionais.

A principal ferramenta de longo prazo utilizada pelo CETEM para aprimorar o seu processo de gestão e definir sua estratégia de ação é o Planejamento Estratégico. Teve início em 2005, quando foi elaborado o primeiro Plano Diretor da Unidade (PDU) para o período de cinco anos: 2006 -2010. Essa iniciativa faz parte de um projeto mais amplo, gerenciado pela Subsecretaria de Coordenação das Unidades (SCUP) do MCTI, alinhado à realização do Planejamento Estratégico do Ministério.

Na elaboração do último PDU (2011-2015), a metodologia adotada permitiu que o processo se desenvolvesse de forma participativa e sistematizada, contemplando uma revisão crítica do PDU anterior (2006-2010), bem como uma ampla reflexão acerca do destino da Unidade, sua missão e seus objetivos como instituição pública dedicada à pesquisa científica e tecnológica.

Ainda como desdobramento do PDU 2011-2015, realizou-se um mapeamento e autoavaliação sistemática das práticas internas de gestão, visando uma comparação com as práticas da gestão pública de excelência, conforme o modelo preconizado pelo Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização (GesPública). O Centro obteve, após primeira avaliação do Núcleo do Rio de Janeiro, certificação de nível 1 de gestão (250 pontos), válido até dezembro de 2013. A segunda avaliação do Núcleo do Rio de Janeiro do GesPública conferiu ao CETEM certificado de nível de gestão em que atribuiu à instituição nível 1 (500 pontos), válido até dezembro de 2015.

O GesPública é gerido pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão e tem como objetivo contribuir para a melhoria da qualidade dos serviços prestados ao cidadão e para o aumento da competitividade do País.

Fim do conteúdo da página